Vídeo: "Bola de fogo" no céu de Maceió chama atenção de moradores; opinião de especialistas afi...ver mais
14/10/2023

PUBLICIDADE

Uma misteriosa "bola de fogo" no céu de Maceió capturou a atenção dos moradores da cidade na noite da última quinta-feira, 12 de outubro. O impressionante espetáculo de uma luz intensa alaranjada foi visível tanto na área costeira da capital como na famosa Praia do Francês, localizada no município vizinho de Marechal Deodoro. As características, caracterizadas por uma luz piscando no céu, geraram uma onda de curiosidade e especulações na população local.

Nas redes sociais, a discussão fervilhava com teorias variadas sobre a origem da "bola de fogo". Alguns sugeriram que poderiam se tratar de um meteoro, outros defenderam que fosse um objeto voador não identificado (OVNI) e até mesmo uma manifestação sobrenatural. A imaginação das pessoas corria solta à medida que a visão inusitada continuava a brilhar nos céus de Maceió.

PUBLICIDADE

Diante da crescente especulação, a equipe de jornalismo do G1 decidiu buscar esclarecimentos junto a especialistas, bem como instituições relevantes na região. O objetivo era descobrir a causa por trás desse intrigante evento astronômico. No entanto, as investigações apontaram para uma explicação mais plausível e menos exótica: a "bola de fogo" poderia ter sido, na verdade, um sinalizador marítimo.

A Força Aérea Brasileira (FAB), responsável por monitorar o espaço aéreo na região, afirmou que não recebeu quaisquer relatos de aeronaves fora do comum ou de controladores de tráfego aéreo. Essa informação descartou a possibilidade de se tratar de uma aeronave desconhecida ou de um evento aéreo fora do convencional.

A Capitania dos Portos, ciente da situação, decidiu agir e anunciou o envio de um embarque para a região para investigar qualquer possível incidente marítimo, como um naufrágio, que pudesse ter originado a luz misteriosa.

PUBLICIDADE

O Porto de Maceió, no entanto, garantiu que não houve nenhuma chamada de emergência e que só poderia agir mediante uma notificação da Marinha, caso algo anormal ou suspeito ocorresse nas águas próximas ao porto.

Para dissipar as especulações, o Centro de Estudos Astronômicos de Alagoas, vinculado à Universidade Federal de Alagoas (Ufal), analisou as imagens do aparecimento e apresentou uma explicação mais concreta. Segundo Romualdo Caldas, a imagem era externa para o mar, indicando que alguma embarcação teria lançado um sinalizador náutico, que resultou na misteriosa "bola de fogo". Ele afirmou: "Aparentemente não é nada relacionado a um meteoro ou a qualquer aspecto astronômico".

PUBLICIDADE

Além disso, o meteorologista da Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos acrescentou seu veredicto à crescente compreensão das características. Vinicius Pinho confirmou com a hipótese do sinalizador, afirmando: "Até onde vi, não parece haver nenhuma ocorrência meteorológica. Aparenta ser algum tipo de sinalizador".

Com a análise dos especialistas e a colaboração das autoridades, a explicação mais convincente aponta para a possibilidade de que a misteriosa "bola de fogo" tenha sido, de fato, um sinalizador lançado no mar, em vez de um evento sobrenatural ou astronômico extraordinário. Ainda assim, o episódio serviu como uma lição de como características naturais ou eventos cotidianos podem despertar nossa imaginação e nos lembrar da importância de buscar explicações científicas antes de mergulhar no reino do desconhecido.

PUBLICIDADE

AD