Marido da cantora gospel Samara Mariano confessa o crime e é preso
28/10/2023

PUBLICIDADE

Ederlan Mariano, marido da cantora gospel e pastora Samara Mariano, confessou o crime e foi preso. Samara Mariano, de 35 anos, que estava desaparecida, foi encontrada morta na sexta-feira (27), e as investigações apontavam Ederlan como o principal suspeito.

Segundo a polícia, Ederlan, em seu depoimento ao delegado Euvaldo Costa, responsável pelas investigações, admitiu ter levado o celular da vítima a uma loja de celulares para apagá-lo e reiniciá-lo. O crime teria sido motivado por desavenças no casamento e ameaças de separação por parte de Samara.

A cantora foi encontrada morta na tarde de sexta-feira, com o corpo completamente queimado, em uma área de mata às margens da BA-093, perto de Dias D’Ávila, cidade da Região Metropolitana de Salvador.

PUBLICIDADE

Samara estava desaparecida desde terça-feira (24), quando saiu de casa para se apresentar em eventos religiosos.

A irmã da pastora, Soraya Correa, já suspeitava de Ederlan e o considerava o principal suspeito do crime. Ela afirmou que acreditava que a vítima ainda estaria viva e que esperava encontrá-la dessa forma. Soraya também afirmou que, segundo a mãe, Ederlan era o suspeito do crime e que ele teria contado sobre o desaparecimento da cantora somente na quarta-feira.

Soraya também revelou que a pastora nunca havia denunciado agressões físicas por parte de Ederlan, mas relatou que ele costumava beber frequentemente e destruir objetos da casa. Apesar de ele se dizer pastor, seu comportamento era frequentemente conflituoso e descontrolado.

A investigação sobre o caso continua, e Ederlan Mariano enfrentará as consequências legais de sua confissão e envolvimento no crime que chocou a comunidade gospel e a sociedade em geral.

PUBLICIDADE

AD