Record bate o martelo e toma decisão sobre expulsão de Yuri em A Fazenda... Ver mais
04/10/2023

PUBLICIDADE

O público de "A Fazenda 15" está abalado com as atitudes de Yuri Meirelles, que proferiu comentários homofóbicos dirigidos a Lucas Souza durante a madrugada do dia 4. A reação nas redes sociais foi intensa, com muitos pedindo a expulsão do participante. A alta cúpula da direção da Record analisou o caso e tomou uma decisão a respeito do destino de Yuri.

Após uma análise cuidadosa, a direção da Record optou por não expulsar Yuri Meirelles de "A Fazenda". Essa decisão foi confirmada por fontes dentro da emissora que fazem parte da alta direção. A emissora já havia deixado claro para os participantes que comportamentos homofóbicos não seriam tolerados no programa. Um aviso foi exibido na sala de convivência, alertando sobre essa questão e informando que a direção tomaria providências caso houvesse violações.

PUBLICIDADE

No entanto, Yuri e outros participantes que zombaram de Lucas Souza insinuando que ele poderia ser homossexual não foram retirados do programa. A emissora decidiu mantê-los na competição pelo prêmio de R$ 1,5 milhão.

A Record emitiu um comunicado afirmando que repudia todas as formas de preconceito e que Adriane Galisteu, apresentadora do programa, se manifestará ao vivo na edição desta quarta-feira sobre os acontecimentos da madrugada.

Sobre o contrato dos participantes, não há cláusulas específicas que preveem uma punição severa para casos de homofobia. O documento menciona a proibição de comentários racistas e ações que possam desabonar percepções sociais baseadas em diferenças entre pessoas e povos, mas não faz menção a situações de violência de gênero ou orientação sexual que resultem em expulsão.

PUBLICIDADE

Mesmo com a decisão da direção, a pressão nas redes sociais tem sido intensa, com telespectadores marcando os patrocinadores do programa em busca de uma ação efetiva diante da situação.

PUBLICIDADE

AD